Espaguete de Lula

Os frutos do mar em geral são excelentes fontes de ômega 3, que são gorduras que trazem benefícios à saúde, como diminuição do risco de doenças cardiovasculares, normalização dos níveis de colesterol e triglicérides na corrente sanguínea, além de atuarem no sistema imunológico.

São ricos ainda em proteínas, vitaminas e sais minerais, entre eles, podemos citar a vitamina A, as vitaminas do complexo B, vitamina D e E e os minerais como cálcio, iodo, potássio e zinco.

A lula, especificamente, contém 72% de proteína, 14% de gordura e 14% de carboidrato.

A receita de hoje é de Espaguete ao Molho de Lula, uma combinação delicada e saborosa.

Espaguete Lula e Cenoura

Ingredientes:

500g macarrão tipo espaguete
500g lula (com cabeça/tentáculos)
5 tomates (Italiano ou Débora)
1 cenoura média
1/2 Cebola
Manjericão
Tomilho
Orégano
Alho
Azeite
Sal

Modo de preparo:

 Cozinhe o espaguete ao seu modo. Eu gosto ao dente e coloco uma colher de sal e duas de óleo na água, acredito que ajuda a ficar mais saboroso.

Em uma panela refogue o alho no azeite, coloque os tomates cortados em cubinhos sem sementes, desta forma, o molho ficará rústico com pedacinhos, mas se preferir o molho mais lisinho, pode bater os tomates no liquidificador antes de refogar. Tempere como preferir, mas manjericão, tomilho e orégano tornam o molho mais cheiroso e amadeirado,sabores que combinam muito com a lula. A 1/2 cebola é para ser colocada inteira, sem picar. É apenas para ajudar a temperar e perfumar, depois de pronto, pode retirar.

Gosto de adicionar ao molho de tomate uma cenoura ralada, pois além de muita vitamina A entre outros tantos benefícios, ela contém um alto nível de beta-caroteno, um antioxidante que ajuda a retardar o envelhecimento das células.

Um toque: como se trata de um molho rápido, que não será apurado por muito tempo, apenas 6 minutos após levantar fervura, costumo colocar uma pitada de açucar para ajudar a eliminar a acidez do tomate.

Enquanto o molho ferve, em uma frigideira, com um fio de azeite e alho, colocar as lulas para grelhar, sem mexer para não soltar muita água, pois assim ela pode ficar “borrachuda”. Após grelhar bem de um lado, virar e deixar grelhar do outro, terminando, adicionar ao molho já apurado. Este processo deve durar em média 6 – 8 minutos e é importante para a lula não soltar sua água no molho, deixando-o aguado.

Para finalizar, umas boas folhinhas de manjericão fresquinhas deixará seu prato mais perfumado ainda.

Esta receita rende 6 porções. Bom apetite!